Tudo que é bom pode durar mais




A principal preocupação das famosas "rapidinhas" é como satisfazer a mulher! Elas demoram mais tempo para atingir o nível de excitação e lubrificação que antecede o orgasmo, diferente do homem, que atinge esse patamar em poucos minutos. Por isso, gastar mais tempo agrando a parceira no início da relação é uma maneira de ganhar tempo e garantir que ambos estejam igualmente excitados no momento da penetração.

Peça para a parceira fazer carícias no corpo todo, masturbação e sexo oral. Existem diversos produtos como gel e creme que retardam a ejaculação precoce e podem tornar essas "massagens" mais divertidas para o casal. 

Durante o sexo, a respiração é um recurso importante para o controle ejaculatório. Em momentos de ansiedade pare, respire devagar e profundamente, e curta esse momento de “relax” abraçadinho nela até a tensão baixar. A posição sexual também influencia na velocidade da ejaculação. A tradicional papai-mamãe é uma delas, pois mantem o corpo tenso, principalmente os braços e acelera o processo. Prefira posturas que aliviem essa tensão, como mantendo a parceira por cima.

Se tiver uma parceira fixa, converse com ela sobre o assunto, isso ajuda a diminuir a tensão e a ansiedade de ambos. Além disso, os dois podem pensar juntos no melhor recurso para resolver o problema.